Select Menu
» » » Ironia: Kim Dotcom afirma que oficiais do governo dos EUA também eram usuários do Megaupload
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Reprodução
Kim Dotcom
Nem só filmes e músicas ocupavam os servidores do Megaupload. Nas máquinas, também estavam guardados diversos dados e arquivos pessoais, que também foram perdidos quando o Departamento de Justiça dos Estados Unidos fechou o site. Assim, Kim Dotcom, fundador da página, está tentando entrar em acordo com o orgão para que esses dados possam ser disponibilizados. E, de quebra, Kim comunicou algo, no mínimo, irônico: diversas contas eram de funcionários do próprio governo norte-americano.
"Adivinhem – encontramos um grande número de perfis de oficiais do governo americano, incluindo do Departamento de Justiça e do Senado", disse em entrevista ao site TorrentFreak. O anúncio veio junto da tentativa de recuperar os dados que claramente não infringiam nenhuma lei, como fotos pessoais ou arquivos de trabalho dos usuários, que podem chegar a centenas de milhares.
"A equipe legal do Megaupload está trabalhando duro para reunir esses dados". Entre as medidas, o Megaupload está tentando dar acesso temporário aos usuários lesados.
 
 

Autor George Batista

Aficionado por novidades tecnologicas e blogueiro nas horas vagas.
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário

Comentarios

AVISO

O Ghz Tecnologia coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais.Comentários considerados ofensivos, difamatórios, impróprios e/ou que contenham palavras de baixo calão serão excluídos. Contamos com a educação e bom senso dos nossos internautas para que este espaço continue sendo um ambiente agradável e democrático.

Obrigado.